Home Artigos Lifestyle Como lidar com a dúvida

Como lidar com a dúvida

Dúvida

Tinha acabado de sofrer com uma possível separação após mais de 7 anos de casamento, estava a minha filha com 9 meses de idade, quando me deparei com uma das maiores dúvidas da minha vida.

Devo ou não continuar casada e investir neste casamento?

Após alguns anos de namoro e vários de casamento, surgiu-me pela primeira vez esta dúvida avassaladora.

Eu tinha sido mãe de uma menina linda e maravilhosa meses antes, quando o meu relacionamento sólido revelou uma ruptura profunda. Nunca antes tinha vivenciado neste relacionamento um desafio como este.

Eu estava vulnerável, o meu corpo estava frágil, ainda imerso nas intensas transformações físicas, hormonais e emocionais da minha primeira gravidez. Era uma filha muito desejada, muito querida e os primeiros meses foram inesquecíveis.

Sentia-me uma heroína, ao mesmo tempo que geria o departamento financeiro da empresa onde trabalhava (à distância) durante a licença de maternidade, geria a casa, geria as necessidades de uma recém nascida, geria-me a mim mesma, e (pensava eu) geria o relacionamento que tinha com o meu marido.

Tudo até aquele altura tinha sido maravilhoso, sentia-me segura, amada, realizada e valorizada tanto pela família como na profissão. Estava feliz, e realmente acreditava que tinha conquistado todos os meus sonhos.

Tinha terminado o meu curso, tinha encontrado o emprego ideal, o marido perfeito, tinha casa e carro, e tinha acabado de ser mãe. Era tudo tal e qual tinha idealizado.

É incrível como depois de uma das variáveis da equação mudar, (quase) tudo se desmorona.

Bastou, uma dúvida, para tudo mudar.

Só que não era uma dúvida qualquer! Era o homem da minha vida que poderia deixar de estar a meu lado. Era o meu sol, a minha luz, e minha estrutrura… era tudo aquilo que estava em risco de perder.

Naquela altura, o meu casamento e a minha filha eram TUDO para mim!

Cheguei mesmo a considerar a possibilidade de deixar a minha carreira de lado, em prol da minha família e do sucesso do meu casamento.

E é então que percebo como é curiosa a rapidez com que as nossas crenças e valores mudam!

Com base em muita sustentação amorosa, muita paciência e imensa resistência à mudança, a crise que vivi acabou por se camuflar por mais de 2 anos e alguns meses… mas depois a dúvida voltou.

A dúvida voltou. E voltou com ainda mais força.

O divórcio acabou por acontecer. Foi um divórcio ‘amigável’, seja lá o que isso quer dizer, e precisamente no dia em que a minha filha fez 3 anos, eu estava divorciada.

E sabes que mais? A dúvida continuava!

Lembro-me de estar mais forte, porque tinha mesmo de estar! A minha filha precisava de uma mãe forte e resolvida. E assim fiz.

Andei sonâmbula, ainda bastante tempo, sem dar voz à ferida que tinha cá dentro.

E os resultados desta dúvida foram desastrosos.

Eu percebi que durante a licença de maternidade, e logo que comecei a trabalhar a minha autoconfiança, a minha autoestima e a minha força estavam completamente aniquiladas.

O certo é que hoje sei como fazer para lidar com a dúvida sempre que ela teima em me assombrar.

Então, como é que eu faço para lidar com este terror? 

Vou partilhar os meus 3 truques para acabar com a dúvida de uma vez por todas:

  1. Reconheço que estou com dúvidas e que me sinto a vacilar;
  2. Escrevo todos os dias de manhã e à noite os meus sonhos e objetivos. Sempre que faço isto estou a direcionar a minha atenção para aquilo que eu quero e para a solução do meu problema, o que vai aumentar a probabilidade de a minha mente estar a canalizar energia para o que eu desejo;
  3. Escrevo uma carta a mim mesma, como se fosse a minha melhor amiga a escrever-ma, com todas as dicas e conselhos que ela me escreveria.

O melhor que posso oferecer a mim mesma é a certeza de que apesar da DÚVIDA, está tudo bem.

Porque tudo o que me acontece, eu sei que acontece a meu favor.

Quer eu interprete como algo bom ou algo mau, o resultado final é sempre melhor do que eu alguma vez podia ter imaginado.

E tu? 
Como é contigo?

Muitas têm sido as mulheres empreendedoras e profissionais que me têm dito que a dúvida as tem feito hesitar e procrastinar em coisas que sabem que iam levar as suas vidas a outro patamar, mas que MESMO ASSIM não conseguem libertar-se dessa dúvida e dessa hesitação. Quer seja o poder ter certeza para avançar ou a força para mudar e transformar, parece que a dúvida e a incerteza estão sempre lá a impedir todo o processo. Não tem de ser assim, e digo-te mais, não deve nem vai ser assim, logo que o compreendas de uma outra perspetiva.

Toma hoje a DECISÃO e muda a tua vida para sempre!

Liliana Ferreira Dias

Realização Profissional Premium


Ver Também

Bra Fitting – Saúde e Imagem Pessoal

Foi há cerca de 6 anos que descobri o maravilhoso mundo do Bra Fitting e experienciei a fo…