Home Artigos Marketing Pessoal O que vestir para uma palestra? 

O que vestir para uma palestra? 

Foto palestra

Vai dar uma palestra, workshop ou formação e não sabe como se vestir? Deixo-lhe algumas dicas úteis para se apresentar da melhor forma.

A primeira coisa em que pensamos é em escolher o look ajustado à ocasião, o impacto que queremos causar e a mensagem que transmite a nossa imagem: se é coerente com o que na realidade somos e se mostra da melhor forma as nossas qualidades. Esta preocupação inicial é válida para todas as situações, mas é ainda mais importante para  um evento profissional que será ministrado por nós.

Na escolha do visual existem pormenores que devemos ter em atenção, tais como: o local, o cenário e o público alvo.

Falo-vos do cenário porque frequentemente descuramos este pormenor importante que pode interferir com a nossa imagem. A escolha de um look branco total deve ser evitada, uma vez que reflete demasiado a iluminação e cria um efeito reluzente. Do mesmo modo, e principalmente se o fundo for escuro, devemos evitar um look preto total, pois apenas se destacará a cabeça. A opção passa pela escolha de um visual colorido para nos destacarmos do cenário e para que as pessoas da última fila nos possam ver. A plateia, assim como as imagens fotográficas ou vídeos, gostam de cores fortes e vibrantes. Caso não nos identifiquemos com cores fortes, podemos optar por usar um lenço colorido para quebrar a monotonia do visual.

Outro pormenor passa pela escolha de um visual com estampados ou padrões muito pequenos. Estes devem ser evitados pois podem causar o efeito moiré. Este efeito produz nas imagens um estranho padrão ondulado que não existe no motivo real.

Alerto para a importância de estarmos de acordo com o público que irá assistir, sem abdicar do conforto e, acima de tudo, da nossa personalidade. Não podemos esquecer que seremos o centro das atenções e que devemos estar confortáveis para o nosso vestuário não interferir negativamente com o discurso.

De que adianta estarmos bem vestidas e de acordo com o contexto se não nos sentimos confortáveis e, principalmente, não nos identificamos com o look escolhido?!

Devemos por isso evitar usar peças muito justas ou elaboradas, que originem desconforto, pois corremos o risco de desviar a atenção do público, que não dará a devida importância ao conteúdo que está a ser transmitido. Devemos antes optar por peças que nos permitam movimentar com facilidade e gesticular.

O conforto é o nosso aliado, mas atenção ao desleixo, pois podemos passar uma impressão de não-profissionalismo, bem como de falta de respeito para com a plateia.

Outro aspeto a ter em conta são os acessórios. São excelentes para dar aquele “up” ao look, mas devemos ter algum cuidado. Devemos evitar acessórios “barulhentos” que possam distrair o público em cada movimento que façamos. O foco deve estar em nós e no nosso discurso, não em superficialidades.

Não existe uma fórmula específica para escolher a roupa adequada. Cada uma deverá escolher o que vestir de acordo com a ocasião, a sua sensibilidade pessoal e algumas regras básicas como as indicadas acima. O objetivo consiste em apresentar-nos da melhor forma possível, para assim conquistar a empatia, o reconhecimento e a total atenção do público.

Sónia Cristina Paiva

Ponto Pessoal – Comunicação e Marketing

 

Ver Também

Dress Code – sim ou não?

Há apenas 2 anos, no Reino Unido, Nicola Thorp, rececionista numa empresa de contabilidade…