Home Testemunhos No sofá com a Empreendedora Philippa Mollet – LifeSkills

No sofá com a Empreendedora Philippa Mollet – LifeSkills

Qual a tua atividade profissional?

Consultora, coach, trainer.  Após anos a gerir negócios na área de turismo, agricultura e vendas, em 2016 passei a dedicar-me (quase) em exclusivo ao desenvolvimento pessoal. Sou fundadora da LifeSkills, que se dedica a despertar soft skills para o desenvolvimento de pessoas e estratégias na gestão da mudança.

Quando sentiste o “chamamento” do empreendedorismo na tua vida?

Há muitos anos que ando “metida em negócios”! Quando me tornei mãe solteira de 3 rapazes pequenos, tornou-se claramente a melhor opção para poder oferecer-lhes o que ambicionava e acompanhá-los de perto.

Como começaste o teu percurso empreendedor?

Acho que o meu primeiro negócio foi a compra de umas peças antigas em prata para revenda.  Para além de freelancer em traduções, desde então sempre tive um dedinho nalgum negócio.

Que dificuldades encontraste nesse percurso e como as contornaste?

Talvez a dificuldade que mais me tenta ainda hoje é a da disciplina, principalmente nos primeiros dias de primavera…  Não contornei as dificuldades, prefiro dizer que superei as que surgiram ao longo da vida, tanto a nível profissional como pessoal.  Acredito que cada desafio traz a sua própria aprendizagem e apresenta-me pessoas e soluções com que nunca sonhei… e por isso adoro desafios!

Comparando a tua atual atividade profissional empreendedora com o trabalho que tinhas antes, que diferenças destacas?

Ajudar a construir os sonhos de outros também é um grande desafio que abraço, e abracei, como meus, várias vezes.  Às vezes lembro-me do bom que é receber certinho todos os meses… mas, para mim, a liberdade para gerir o meu tempo, a minha criatividade e os meus relacionamentos não tem preço.

Que dicas gostarias de partilhar para quem quer dar os primeiros passos numa carreira empreendedora?

É preciso ter algum perfil de risco para ser empreendedora e ter uma ideia nem sempre é ter um negócio. Procura alguém que caminhe contigo que te apoie, pois vais ter muitas, muitas emoções fortes! E caminha ao teu ritmo: lembra-te sempre do “porquê” original por detrás da tua ideia.

Ver Também

No sofá com a Empreendedora Sílvia Ferreira – Young Living

P. – Qual a tua atividade profissional? Sou Criminóloga de formação. Quis a vida que não c…