Home Testemunhos No sofá com a Empreendedora Patrícia Pinhão

No sofá com a Empreendedora Patrícia Pinhão

Qual a tua atividade profissional?

Sou consultora de viagens independente, uma aventureira dos destinos do mundo, guiando viajantes rumo a experiências inesquecíveis e memoráveis.

Quando sentiste o “chamamento” do empreendedorismo na tua vida?

O chamamento do empreendedorismo ressoou na minha alma quando percebi que a minha paixão por explorar o mundo podia tornar-se numa carreira gratificante e libertadora. Foi como reencontrei um tesouro adormecido dentro de mim, à espera de ser descoberto e partilhado com o mundo.

Como começaste o teu percurso empreendedor?

O meu percurso empreendedor começou com uma visão clara e uma vontade inabalável de transformar essa visão em realidade. Tracei um plano meticuloso, pesquisei o mercado, identifiquei oportunidades e construí a minha marca pessoal.

Que dificuldades encontraste neste percurso e como as contornaste?

No caminho, enfrentei tempestades e marés revoltas, mas recusei-me a naufragar. Cada dificuldade foi um desafio a ser superado, seja adaptando-me às mudanças no cenário global de viagens ou navegando pelas águas desconhecidas da gestão financeira. Mantive-me flexível, aprendendo com cada obstáculo e ajustando o meu curso conforme necessário.

Comparando a tua atual atividade profissional empreendedora com o trabalho que tinhas antes, que diferenças destacas?

As diferenças entre a minha atividade profissional empreendedora e o meu trabalho anterior são como dia e noite. Antes, estava confinada a uma rotina monótona e limitada, enquanto agora sou livre para explorar a minha criatividade, tomar decisões e moldar o meu próprio destino. Cada dia é uma aventura emocionante, cheia de possibilidades infinitas.

Que dicas gostarias de partilhar para quem quer dar os primeiros passos numa carreira empreendedora?

Para aqueles que desejam iniciar uma jornada empreendedora, eu diria: acreditem na vossa visão, mesmo quando outros duvidarem. Estejam preparados para enfrentar desafios, mas vejam-nos SEMPRE como oportunidades de crescimento. Cultivem a vossa resiliência e nunca percam a paixão pelo que fazem. E, acima de tudo, lembrem-se de que cada onda que quebra na costa é uma oportunidade para navegar para novos horizontes. Que a vossa jornada seja tão inspiradora quanto a minha tem sido para mim!

Ver Também

No sofá com a empreendedora Nicole Quartin Farinha

Qual a tua atividade profissional? Sou hipnoterapeuta e ajudo os meus clientes a acedem ao…