Home Noticias Prémio de Empreendedorismo Sustentável

Prémio de Empreendedorismo Sustentável

MAO.Maria

O Natal é, por norma, uma época de celebração da família, da amizade e do amor. Mas não podemos esquecer que é também uma época de grande consumo.

O consumo exacerbado tem colocado desafios à nossa sociedade, na medida em que pode promover uma exploração excessiva de recursos que são escassos. Para contrariar esta tendência, é essencial apostar no consumo consciente e responsável.

Os produtos e serviços que adquirimos têm uma pegada ecológica, económica e social. Quando nos preocupamos com essa pegada e efetuamos as nossas compras com respeito por critérios de sustentabilidade, estamos a contribuir para um mundo melhor.

Na nossa comunidade, muitas empreendedoras possuem esta consciência e colocam-na em prática não apenas nos seus hábitos de consumo, mas igualmente nos seus negócios. Com o objetivo de lhes dar visibilidade e de sensibilizar a nossa comunidade para estas questões, criámos o Prémio MAO.Maria, que contou com perto de 50 concorrentes.

As premiadas são empreendedoras que apresentaram propostas que se distinguiram pela sua qualidade. Os seus produtos/serviços serão por isso recomendados por nós neste Natal.

Conheça as vencedoras e saiba quais os fatores de diferenciação que motivaram a sua distinção.

1º Lugar – Marianna Yakobson: Villa Epicurea

O sector hoteleiro enfrenta uma crise sem precedentes e, num ano de pandemia, considerámos importante distinguir o esforço de quem continua a seguir o seu sonho, não abdicando dos princípios éticos com que iniciaram o seu negócio.

O Villa Epicurea é um alojamento que proporciona eco experiências, num cenário dividido entre o mar e o campo, com todas as condições de conforto e higiene.

2º Lugar – Marta Cardoso: We Are Clementine

Nos últimos anos, assistimos a um aumento da oferta de produtos de higiene íntima. No entanto, esta concentrou-se exclusivamente em soluções que grande parte das mulheres ainda não utiliza: copos menstruais e pensos reutilizáveis.

A Clementine é a única marca portuguesa que oferece tampões 100% orgânicos e pensos menstruais descartáveis 95% biodegradáveis.
Deveríamos excluir um negócio apenas por estes 5% quando diariamente milhares de mulheres continuam a consumir produtos de higiene íntima altamente poluentes e nocivos para a saúde? A nossa opinião é que não! Este produto distingue-se por ser economicamente acessível e por abranger um grande leque de potenciais utilizadoras.

3º Lugar – Joana Fonseca: Juno Dafon

O plástico é algo incontornável nos nossos dias. Está em todo o lado e é um dos agentes mais poluentes e que mais interfere com a sustentabilidade ambiental e ecológica.

A Juno Dafon encontrou uma forma criativa, responsável e sustentada de dar uma segunda vida ao plástico, através da criação de uma linha de Joalharia em que a matéria prima utilizada são as tampas das embalagens de plástico.

Conjuga design e modernidade com a preocupação de informar o consumidor, já que cada peça indica a quantidade em gramas de plástico que foi reutilizado. A par de um preço altamente competitivo, a Juno Dafon tem uma identidade muito própria e diferenciada no panorama do consumo sustentável.

Menções Honrosas – Academia Sénior (Carla Almeida e Helena Costa) e Handmade By Matilde (Matilde Vieira)

Ver Também

Prémio de Natal Sustentável – MAO.Maria

Decidimos criar o Prémio de Natal Sustentável MAO.Maria, que visa premiar produtos ou serv…